dez.
22
2016

Host story: Ser anfitrião da comunidade gay é uma ótima forma de conhecer pessoas que pensam como você
22 dez. 2016
por Theo

Host story: Ser anfitrião da comunidade gay é uma ótima forma de conhecer pessoas que pensam como você

Como é a vida quando se é anfitrião da comunidade gay no misterb&b, o serviço de aluguer gay de curta duração? O Martin é de Berlim, um dos melhores destinos gay do mundo, e não lhe faltam experiências de acolhimento de pessoas diferentes de todo o mundo! Vamos ouvir a sua interessante história:

“Eu adoro passar tempo com os meus hóspedes e ficar a conhecê-los. Ao mesmo tempo, alguns hóspedes são mais calados e gostam de passar tempo sozinhos, por isso eu tento frequentemente ler a situação e ser um bom anfitrião, mas mais moderado se necessário. Muitas vezes, é excelente falar acompanhados por um copo de vinho ou uma refeição, e transmitir algumas das minhas recomendações de coisas divertidas para fazer em Berlim, ou ouvir as experiências dos hóspedes e a sua perspetiva sobre esta grande cidade.

Conheci muitas pessoas interessantes, novas e mais velhas, casais e pessoas que viajam sozinhas, incluindo um poeta da Papua Nova Guiné e um escritor de livros para crianças dos Estados Unidos. Cada hóspede é único, à sua própria maneira. A minha melhor memória é de um hóspede australiano que veio de visita. Nós demo-nos muito bem. Ele era muito divertido. Juntou-se a alguns amigos para o orgulho gay no verão e vestimos roupas coloridas. Fartámo-nos de rir e continuamos em contacto até hoje.

A melhor conversa que tive com um hóspede gay foi provavelmente com um sul-africano que era muito novo e estava no processo de se assumir como gay. Ele basicamente começou a assumir-se durante a semana que passou comigo, começando a explorar a cena gay de Berlim e contando-me todas as suas aventuras. Foi muito bom saber que ele, tal como eu, se sentiu em casa nesta cidade, com a liberdade de finalmente ser ele próprio. Ele até me deixou uma garrafa de vinho quando se foi embora, com uma nota a agradecer pela excelente estadia.”

Como é ser anfitrião para a comunidade gay?

“Ser um anfitrião para a comunidade gay é uma ótima maneira de conhecer outras pessoas que pensam como nós e que têm interesse em viajar e conhecer novos lugares.  Berlim é uma excelente cidade para se ser gay, com algo para todos os gostos. É muito bom quando recomendamos novos sítios e os hóspedes nos dão feedback e dizem como gostaram da nossa sugestão. Os meus hóspedes sempre foram respeitosos e muito abertos. Também é um fórum para conhecer novos amigos e trocar histórias. Os hóspedes gay adoram Berlim! É verdadeiramente uma cidade arco-íris! Por isso eles querem explorar, ver e descobrir tudo o que puderem, desde discotecas e bares até museus e galerias - temos muito para oferecer!”

“Desde que sou anfitrião, aprendi que viajar e conhecer pessoas são duas coisas que vão juntas. Eu abro a porta para receber um estranho, mas passado pouco tempo deixa de ser um estranho e ao abrir a porta física, eu estou também a abrir um mundo de oportunidades para conhecer pessoas fantásticas.  É verdadeiramente importante para mim que os hóspedes desfrutem da sua estadia, e se sintam confortáveis e em casa no meu apartamento.”

 

 

Vai a Berlim? Veja o anúncio de Martin no misterb&b

 

PARTILHE A SUA HISTÓRIA! 

Nós estamos ansiosos por ouvir a sua aventura no misterb&b!  Partilhe a sua experiência como viajante ou anfitrião connosco! Diga ao mundo como se pode divertir em todos os recantos deste planeta! Envie um e-mail para support@misterbandb.com 

Propaganda
Propaganda