Gay São Francisco
gay san francisco

Castro

Castro, o epicentro da vida gay numa das cidades mais amigáveis dos EUA, é uma experiência incomum, mas imperdível. Bem servido por transportes públicos, este...

Castro, o epicentro da vida gay numa das cidades mais amigáveis dos EUA, é uma experiência incomum, mas imperdível. Bem servido por transportes públicos, este bairro gay situa-se ao redor de Market Street, a principal artéria de São Francisco.

Castro é identificável pelas inúmeras bandeiras arco-íris que revestem as ruas e quarteirões. Na entrada desta zona gay pode ver-se uma enorme bandeira arco-íris em Harvey Milk Plaza. O tom está dado.

Não muito longe, no 429 Castro Street, situa-se o famoso Castro Theatre. A sua rica fachada do estilo Barroco Espanhol é um símbolo emblemático do bairro, assim como a Human Rights Campaign Store, situada na antiga casa de Harvey Milk (575 Market Street).

Castro é característico de São Francisco, com as suas ruas íngremes e casas vitorianas com cores extravagantes. As pessoas são calorosas e simpáticas e os comerciantes recebem-no de braços abertos.

 

Castro: cultura e loucura

Ao passear pela zona, não perca a famosa casa azul (maison bleue), imortalizada na canção homónima da cidade por Maxime Le Foriester (3841 18th Street). Na mesma rua, a 10 minutos de distância a pé, encontra-se o GLBT History Museum (4127 18th Street). Graças ao seu conteúdo rico (manuscritos, objetos, arquivos de vídeo, fotos, cartazes...) retrata a história LGBT americana, principalmente da comunidade de São Francisco.


Ao passear por Castro, vai encontrar muitas personagens interessantes e sentir verdadeiramente o ambiente especial que a zona gay de São Francisco proporciona. As palavras-chave aqui são liberdade, respeito e aceitação. Bem, na verdade, por falar em liberdade, desde novembro de 2012 é ilegal andar nu na rua... no entanto, não se admire se vir homens andarem na orgulhosamente só com a sua coquilha!

 

Compras e exercício

Sendo o bairro gay de São Francisco, Castro está cheio de lojas gay exclusivas, como a Does Your Mother Know (4141 18th Street), e montes de lojas de roupa queer. Uma variedade de restaurantes, como o Frances (3878 17th Street) que oferece produtos frescos e locais, se preferir comer na rua, há imensas rulotes de comida.

Se depois se sentir culpado, pode ir ao ginásio (ou ao spa) no Fitness SF Castro (2301 Market Street), um dos maiores ginásios da zona. Depois de recuperar as forças, é hora de sair para um dos numerosos bares e discotecas gay de São Francisco, onde há de tudo para todos. Moby Dick (4049 18th Street) é ótimo se pretende saborear a sua cerveja tranquilamente. Em alternativa, o bar de desporto Hi Tops está a abarrotar nos fins de semana (2247 Market Street).

 

Feiras e ar puro em “Frisco”!

Todos os domingos de outubro, tem lugar a Castro Street Fair. O bairro ganha vida com concertos ao vivo, DJs, artistas, espetáculos, dançarinos, vendedores de rua, ações de solidariedade e outras, que se juntam para celebrar. Não perca se estiver na cidade nesta altura.

Finalmente, vá até ao Dolores Park, onde gays, hippies e turistas desfrutam da vista deslumbrante sobre São Francisco. Se estiver bom tempo, venha relaxar com um coco e rum e - se se atrever - experimente uma “space-cookie” à venda no parque. Relaxe e deixe a “magia” acontecer!

Se quiser ir mais longe, vá até Twin Peaks, situadas na base de Castro (Twin Peaks Boulevard). Estas famosas colinas gémeas são um dos pontos mais altos da cidade, onde pode admirar a Baía de São Francisco na sua plenitude.

Ler mais
  • SÃO FRANCISCO  
  • CASTRO  
  • CASTRO STREET  
Propaganda
  • SÃO FRANCISCO  
  • CASTRO  
  • CASTRO STREET  
  • MARKET STREET  
  • DOES YOUR MOTHER KNOW  
  • FITNESS SF CASTRO  
  • MOBY DICK  
  • HI TOPS  
  • DOLORES PARK